domingo, 2 de fevereiro de 2014

CINEASTA EDUARDO COUTINHO É MORTO NO RIO


COMENTÁRIO DESTE BLOGUE: Depois do cartunista Glauco Villas-Boas (conhecido por personagens como Geraldão e Doy Jorge), outra figura pode ter sido morta por causa do desequilíbrio psicológico de outra pessoa.

É o caso do famoso cineasta Eduardo Coutinho, dos filmes Cabra Marcado Para Morrer e Edifício Master, morto provavelmente pelo seu próprio filho, que tentou matar a mãe, esposa do cineasta, e tentou se matar. O crime aconteceu no Rio de Janeiro.

Eduardo era ligado também à geração de cineastas cinemanovistas que atuaram no Centro Popular de Cultura da União Nacional dos Estudantes, na primeira metade dos anos 60.

Cineasta Eduardo Coutinho é morto no Rio

Da Agência Brasil

O cineasta Eduardo Coutinho, de 81 anos, foi encontrado morto neste domingo (2), dentro de casa, no bairro da Lagoa, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro.  A Divisão de Homicídios da Polícia Civil investiga o caso. Há suspeita de assassinato.

O filho do cineasta, Daniel Coutinho, de 41 anos, deu entrada no Hospital Municipal Miguel Couto, com duas facadas no abdômen e seu quadro é estável. A mãe dele e esposa de Eduardo Coutinho, Maria das Dores de Oliveira Coutinho, de 62 anos,  foi vítima de cinco facadas e uma lesão no fígado. Ela passou por cirurgia e está em estado grave, no mesmo hospital.

Coutinho era considerado um dos maiores documentaristas do país. É autor, entre outros filmes, de Cabra Marcado para Morrer e Edifício Master.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...