segunda-feira, 11 de outubro de 2010

O PROJETO DE JOSÉ SERRA PARA O BRASIL



José Serra pretende criar um Estado anoréxico, quase esquelético. A máquina pública que só serve para socorrer as poderosas empresas privadas quando "necessário", quase que um misto de babá com enfermeira.

José Serra promete o progresso na economia dos donos do poder. O patrimônio financeiro deles irá crescer a níveis estratosféricos, como se o crescimento vertiginoso ocorrido até agora não mais bastasse.

José Serra promete preservar a Amazônia, deixá-la bonitinha e arrumadinha para vendê-la aos países do G-8.

Serra promete uniformizar as cores de todos os ônibus brasileiros, não mais por cidades, mas por região. A região Norte adotará uma cor, a Nordeste outra, a Sudeste outra...

Serra promete transformar São Paulo num grande piscinão, para compensar o fato da capital paulista não ficar no litoral. Já mostrou que pode no verão de 2010.

Serra promete mais verbas para a Saúde e para a Educação. E sabe de onde vai obter os recursos: dos bolsos de todo o povo brasileiro.

Finalmente, Serra procurará vender o Brasil para os investidores estrangeiros. Até a cultura brasileira, na sua abordagem neoliberal do brega-popularesco, já formata seus estilos para Tio Sam ouvir (e não é para ele fazer batucada, não!).

Além do mais, Serra também tem pesos pesados lhe apoiando: Instituto Millenium, TFP, UDR, Globo, Folha, Abril, Estadão, FMI, Opus Dei, entre tantos outros.

Claro, vai governar pelos interesses dessa patota animada.

Quem quer Serra no Planalto, quer tudo isso para sua vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...