terça-feira, 26 de outubro de 2010

BOLINHAS DE PAPEL EM FILME B



Arnaldo Jabor não dirigiu o filme nem fez uma participação sequer, porque estava ocupado com sua suprema felicidade.

Mas ele manifestou seu grande aval ao filme O Ataque das Bolinhas de Papel Assassinas, do cineasta e ex-diretor de clipes FdP.

É um grande filme de terror com as bolinhas de papel invadindo uma conhecida cidade brasileira, internacionalmente famosa.

Toda a fauna demotucana está lá. E Paulo Preto aparece também, desta vez não podendo ser irreconhecível sequer por José Serra.

Tem Soninha, tem Gabeira, Sandra Cureau... Tem até o professor mineiro Eugênio Arantes Raggi, que come quieto do prato petista para depois vomitar tudo nos blogueiros progressistas e louvar os tucanos e o PiG no fórum do portal Globo Esporte.

Tem o (mau) humor do Marcelo Madureira. Em boa companhia: Reinaldo Azevedo, Diogo Mainardi, Ali Kamel, Otávio Frias Filho.

E tem os "amigos de fé" de José Serra, o astro maior da produção, embora esses dois queiram ter mais destaque no filme que o protagonista: Aécio Neves e Geraldo Alckmin, este vindo das profundezas do Opus Dei.

Tem também Fernando Gabeira, que, defensor da liberação das drogas, não poderia deixar de defender a maior delas, que são os demotucanos.

Enfim, um filme aterrorizante, sobre perigosas bolas de papel que assustam a humanidade. Com cenas de forte impacto, pouco recomendadas para corações frágeis.

O bonequinho da Globo viu e adorou. E Veja recomendou, de imediato.

Trilha Sonora aterrorizante com Chitãozinho & Xororó, Gaiola das Popozudas, É O Tchan, Calcinha Preta, Tati Quebra-Barraco, Alexandre Pires, Belo, Chiclete Com Banana e outros nomes da Música do PiG Brasileira.

Breve num cinema mais próximo de você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...